O carnaval do Rio de Janeiro também é lugar de pais que se envolvem no cuidado de suas filhas e filhos. É isso que vem mostrando blocos que tem usado a folia para discutir o tema.

O “Deixa que eu Cuido!”desfila nessa terça-feira de carnaval, 9 de fevereiro, e quer deixar um recado importantíssimo – cuidar dos filhos também é responsabilidade dos pais. Criado para celebrar o compromisso de cuidado por parte dos pais, “Deixa que eu Cuido!” contará com brincadeiras, jogos, bolhas de sabão, bolas e o que for necessário para deixar a criançada se divertir à vontade e com segurança. O bloco aproveita e dá o recado – é uma oportunidade para os pais começarem a questionar e abrir mão de seus privilégios, e as mães poderem brincar o carnaval também, já que, em geral, homens ainda não são vistos socialmente como responsáveis pelo cuidado de filhas e filhos, o que acaba por sobrecarregar as mulheres nas tarefas domésticas e de cuidado.

A iniciativa foi tão bem recebida pelos movimentos de envolvimento dos homens em paternidade e cuidado que foi até “pedida em casamento” pelo bloco virtual “Suga, mas não morde”, do blog Aleitamento.com, que estabeleceu pré-condições para aceitar esse compromisso, um questionário disponível em um post do blog.

Nessa brincadeira toda, que no fundo é muito séria e busca promover a importância do cuidado por parte do homem, e na promoção da equidade de gênero, ainda vale ficar de olho no “Bloco do Slinga e Vem”, uma espécie de ocupação dos blocos infantis do Rio de Janeiro por pais e mães com suas filhas e filhos nos slings, carregadores de panos para bebês. O bloco vai realizar um concurso de fantasias e em seu evento no Facebook está postando uma série de inspirações, com presença paterna reduzida, mas ainda há tempo dos pais aproveitarem e “slingar” também!

Também nessa linha de discutir direitos em plena a folia, está o Comuna que Pariu que este ano tem como samba-enredo Na raça, contra o racismo!, que denuncia o preconceito racial no Brasil. No ano passado o bloco teve como tema o machismo com o samba “Lugar de mulher é onde ela quiser”. O bloco sai dia 9 de fevereiro, na Alcindo Guanabara, Cinelândia, às 15 horas.